Anti-inflamatórios aumentam risco de parada cardíaca, aponta estudo

20.03.2017 | por Coração e Vida

Dois anti-inflamatórios populares no Brasil, o ibuprofeno e o diclofenaco, foram listados por cientistas como perigosos agravantes em casos de parada cardíaca.

O alerta é de uma pesquisa realizada na Dinamarca, publicada na última semana pela revista European Heart Journal. A conclusão é de que o risco de parada cardíaca aumenta 31% com o uso do ibuprofeno e 50% com o diclofenaco.

Leia mais no Estadão

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.
* Campos obrigatórios.

Esse site é melhor visualizado no modo Portrait.

Esse site é melhor visualizado no modo Landscape.