Dicionário médico

Fontes: Dicionário Médico | Hospital Israelita Albert Einstein
-- O serviço tem fim meramente informativo e não substitui de forma alguma a consulta a um profissional de saúde, nem quaisquer tratamentos e/ou diagnósticos.


  • Edacidade

    Voracidade.

  • Edaz

    Voraz; ávido.

  • Edema

    Acúmulo anormal de líquido nos espaços intercelulares dos tecidos ou em diferentes cavidades corporais (peritôneo, pleura, articulações, etc.).

  • Edeologia

    Estudo dos órgãos genitais.

  • Edeomania

    Desejo sexual mórbido.

  • Edeoptose

    Prolapso de órgãos genitais.

  • Edipismo

    Dano provocado nos olhos pelo próprio indivíduo, como o fez Édipo, o rei de Tebas da Grécia antiga, ao saber que se casara com a mãe e matara o pai.

  • Edulcorante

    Aditivo que melhora o sabor de uma preparação para uso oral, tornando-a tolerável ao paladar.

  • Edulcorar

    Tornar doce.

  • Eduto

    Substância extraída de matéria orgânica, sem sofrer alteração em sua composição; extrato.

  • Eduzir

    Extrair.

  • EEG

    Abreviatura de eletroencefalograma.

  • Efebo

    Adolescente; que chegou à puberdade.

  • Efeito clínico

    Evento em investigação (doença, complicação de doença ou efeito terapêutico) que é supostamente causada pelo fator em estudo. Em diagnóstico, é o método de aferição da doença considerado ideal (padrão-ouro ou teste-padrão).

  • Efeito de dose-resposta

    A situação na qual as probabilidades de desenvolvimento da doença ou efeito adverso são proporcionais aos vários níveis de exposição.

  • Efeito placebo

    É o efeito em que placebos atuam como se fossem medicamentos aliviando sintomas, como dor pós-operatória, náuseas ou prurido, o que pode ocorrer em aproximadamente um terço dos pacientes.

  • Efélide

    Manchas pigmentadas pequenas de cor parda, não-escamosas, numerosas ou profusas, e confluentes, dispostas simetricamente (face, nariz e fronte, dorso das mãos e antebraços), comumente chamadas de sarda.

  • Efélide senil

    Manchas na pele, sobretudo no dorso da mão, observadas na velhice.

  • Efêmero

    Passageiro; de curta duração; transitório.

  • Efeminado

    Que apresenta caracteres femininos.

  • Eferente

    Que leva sangue, secreção ou impulso no sentido centrífugo (para fora).

  • Efervescência

    Desprendimento de gás em um líquido, devido à ação química ou fervura; ebulição.

  • Efetividade

    A demonstração, em condições existentes na comunidade, de que um tratamento funciona. Estudos de efetividade geralmente incluem uma amostra de pacientes maior e mais representativa da população do que estudos de eficácia. As condições em que os pacientes se encontram também são menos artificiais do que em estudos de eficácia.

  • Efetor

    Terminação nervosa que distribui impulsos.

  • Eficácia

    É a produção de um efeito desejado.

  • Eficácia do medicamento

    A capacidade de o medicamento atingir o efeito terapêutico visado.

  • Eficaz

    Eficiente; ativo.

  • Eficiência

    Razão entre a produção e o consumo. É relacionada com a avaliação de métodos alternativos, medidos fundamentalmente através das variáveis tempo, custo e trabalho realizado. É a demonstração de como um tratamento pode funcionar.

  • Efidrose

    Suor abundante; hiperidrose.

  • Efípio

    Sela turca ou túrcica.

  • Eflorescência

    Transformação em pó pela perda de água (sublimação); alterações cutâneas com mudança de cor e aspecto da pele; qualquer lesão cutânea.

  • Efluente

    Que irradia ou emana descarga de esgotos, após seu tratamento.

  • Eflúvio

    Emanação; exalação; descarga elétrica; volatilização de gases tóxicos, ou dotados de efeitos sobre o organismo.

  • Efluxo

    Corrimento de líquido para fora da cavidade.

  • Efração

    Qualquer solução de continuidade da pele; ruptura.

  • Efusão

    Escapamento de líquido em cavidade ou nos tecidos.

  • Efusão pleural

    Presença de líquido no espaço pleural.

  • Efuso

    Derramado; que ocorre para fora de seus canais próprios.

  • Egesta

    Material eliminado; catabólito.

  • Ego

    Termo que exprime a ideia do eu; individualidade; conjunto de sensações que formam o corpo e o espírito.

  • Egocêntrico

    Pessoa que se considera o centro do mundo; que tem as ideias centradas em si mesma.

  • Egofonia

    Modificação no timbre de voz, que se torna anasalada, com sons interrompidos intermitentemente, como o balido da cabra, observada em algumas afecções do pulmão, mediante auscultação.

  • Eidética

    Transformação de ideias em imagens, ou de visões em formas.

  • Eixo

    Linha que divide o corpo ou órgão em partes simétricas.

  • Ejaculação

    Expulsão súbita de líquido, particularmente esperma ou sêmen.

  • Ejaculação precoce

    Ejaculação que surge logo após o inicio do contato sexual.

  • Ejeto

    Matéria excrementícia.

  • Elacina

    Tecido elástico que sofreu degeneração.

  • Elasticidade

    Propriedade de o corpo retomar sua forma primitiva quando submetido à tração que o deforma, como a borracha.

  • Electra, complexo de

    Termo para designar a tendência erótico-afetiva da filha ao pai, com antagonismo à mãe. O termo advém de Electra, filha de Agamenon e Clitemnestra, e irmã de Orestes. Ajudou Orestes a se vingar do assassino do pai, tornando-se inspiração de várias obras clássicas, principalmente de Sófocles e Eurípedes, onde a relação afetiva pai/filha sobressai de modo marcante.

Carregar Mais

Esse site é melhor visualizado no modo Portrait.

Esse site é melhor visualizado no modo Landscape.