Coração e Vida | O que a cor da sua urina indica? - Coração e Vida

O que a cor da sua urina indica?

Coloração diferente no xixi pode representar sintoma de diferentes doenças

8.09.2017 | por Thassio Borges - Equipe Coração e Vida

Urinar é um hábito tão comum que, geralmente, se torna automático. Afinal, quanto tempo perderíamos se decidíssemos analisar todos os dias o xixi que eliminamos? O que poucos sabem, no entanto, é que a cor da urina pode ser o suficiente para indicar a ocorrência de alguma doença ou desordem na saúde das pessoas.

Justamente por ser um ato corriqueiro, as pessoas costumam atentar-se para problemas ao urinar somente quando sintomas mais fortes aparecem. Dores ou dificuldades para urinar, de fato, podem representar algo grave, mas não se deve descuidar também da coloração do líquido.

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

De acordo com Liliana Secaf, nefrologista e coordenadora do Núcleo de Nefrologia e Diálise do Hospital Sírio-Libanês, a urina é uma excelente ferramenta para auxiliar no diagnóstico de doenças. A substância, inclusive, vem sendo utilizada nesse sentido desde o início da Medicina.

“A urina pode ter uma variedade de colorações, podendo indicar a presença de doenças renais, como glomerulonefrites ou insuficiência renal, tumores renais, de bexiga ou de próstata, cálculos urinários, doenças hepáticas, infecções, desidratação ou hiper-hidratação”, explica a especialista.

Segundo Secaf, a cor ideal da urina de alguém que não apresenta doenças ou desordens de saúde é amarelo claro. É necessária atenção, no entanto, para diferenciar a intensidade da cor do líquido. Isso porque a urina de cor amarela muito clara ou transparente indica que o paciente está hiper hidratado, tomando muita água.

“Já a urina de coloração amarelo escura reflete desidratação. Isso porque a urina é produzida através dos rins, e estes têm a capacidade de concentrar ou diluir a urina conforme o estado de hidratação do paciente”, explica.

Outras cores, no entanto, podem indicar alterações importantes na saúde, conforme explica a nefrologista.

“Urina vermelha ou de coloração avermelhada representa a presença de sangue na mesma, e o médico deve ser procurado para uma investigação eficaz. Além disso, a cor esverdeada também merece atenção, podendo indicar uma infecção que geralmente é acompanhada de odor fétido. Não podemos nos esquecer da coloração marrom, que também deve ser relatada ao médico devido à possibilidade de o paciente apresentar doenças do fígado”, explicou.

Já a urina com aspecto opaco pode representar presença de sedimentos no líquido. Dessa forma, o correto, de acordo com a especialista, é procurar um médico para que seja feita uma avaliação mais acurada do problema.

A primeira percepção sobre uma coloração diferente na urina é feita geralmente pela própria pessoa. O que ocorre, no entanto, é que o indivíduo comum não tem capacidade técnica para discernir se a alteração na cor do xixi corresponde ou não a alguma enfermidade. Muitas vezes, o diagnóstico virá apenas por meio de exames.

“Muitas informações médicas podem ser obtidas através da urina. Observá-la e relatar mudanças nas características desta urina ao seu médico auxiliará um diagnóstico correto, que muitas vezes poderá ser obtido através de um simples exame de urina”, completa Secaf.

20170816-cor-urina

Revisão técnica
Prof. Dr. Max Grinberg
Núcleo de Bioética do Instituto do Coração do HCFMUSP
Autor do blog Bioamigo

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.
* Campos obrigatórios.

Esse site é melhor visualizado no modo Portrait.

Esse site é melhor visualizado no modo Landscape.