Coração e Vida | Sobreviventes do ataque de 11 de setembro têm maior risco de doenças cardíacas e pulmonares, diz estudo - Coração e Vida

Sobreviventes do ataque de 11 de setembro têm maior risco de doenças cardíacas e pulmonares, diz estudo

17.07.2017 | por G1

As pessoas que foram expostas à nuvem de poeira e foram feridas durante os ataques terroristas do 11 de setembro, em Nova York, têm maior risco, a longo prazo, de contrair doenças respiratórias, como a asma, e ter um ataque cardíaco. Os resultados são de um estudo publicado neste domingo (16) no periódico científico “Injury Epidemiology”.

Cientistas do Departamento de Saúde e Higiene Mental de Nova York cruzaram os dados de exposição aguda à poeira ou o sofrimento de lesões físicas durante o 11 de setembro à frequência de aparecimento de doenças crônicas entre 10 e 11 anos depois.

Leia mais

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.
* Campos obrigatórios.

Esse site é melhor visualizado no modo Portrait.

Esse site é melhor visualizado no modo Landscape.