Coração e Vida | Aos 40, de volta ao esporte e mais saudável - Coração e Vida

Aos 40, de volta ao esporte e mais saudável

Não existe idade certa para abandonar velhos hábitos e iniciar uma rotina de atividade física. Mas talvez os 40 anos sejam um ótimo ponto de virada

3.07.2018 | por Equipe Coração e Vida

Por Thassio Borges

Chegou aos 40 anos e não está satisfeito com sua condição física? Muita gente sente a mesma necessidade quando essa idade chega. Incluir exercícios na rotina será sempre recomendável – mas não se deve iniciar um plano, especialmente nesse período, sem orientação médica e/ou esportiva.

Fazer um check-up é importante antes de começar uma atividade física - Foto: Shutterstock

Fazer um check-up é importante antes de começar uma atividade física – Foto: Shutterstock

Confira a seguir recomendações de Arnaldo Hernandez, coordenador do Núcleo de Medicina Esportiva do Hospital Sírio-Libanês, para transformar (ou retomar) uma rotina mais saudável:

Check-up: o certo é realizar uma avaliação geral, inclusive de seu condicionamento físico, antes de iniciar os exercícios. Assim, é possível descartar quaisquer problemas críticos que possam levar risco à saúde, tanto na parte cardiológica quanto na ortopédica;

Não menospreze exercícios de força: se durante muito tempo você viveu de forma sedentária, comece com um trabalho de fortalecimento muscular. Isso irá preparar a musculatura, tendões e articulações para tolerar a sobrecarga que virá das outras atividades. E atenção: não abandone os exercícios de força mesmo quando já estiver mais “evoluído” no aeróbico.

Rotina saudável não é igual a “altos investimentos”: ainda que você esteja empolgado em mudar de condição física, evite grandes cargas no início. O fortalecimento muscular pode ser feito com o peso do próprio corpo, sem necessidade de equipamentos. Da mesma forma, comprar instrumentos para exercícios aeróbicos (esteira, bicicleta ergométrica etc.) não deve ser o primeiro passo. Afinal, você ainda nem sabe as atividades que mais se adaptam ao seu perfil.

Procure variar: nos primeiros dois meses, será possível saber que exercício mais te agradou. Nesse período, alterne as atividades. Caminhada, corrida, natação, futebol, tênis. Faça o que for possível, sempre atento às respostas do seu corpo, até identificar sua preferência.

Comece devagar: faça 10 a 15 minutos de atividade aeróbica, três vezes por semana. Preferencialmente, sem grandes subidas ou descidas no trajeto. Dê um dia de descanso entre uma atividade e outra para que seu corpo consiga se recuperar. Com o tempo, estenda o treino até chegar aos 40 minutos.

Não se assuste: aquela dor muscular pós-treino é normal. Ocorre em todas as idades. Acontecerá também quando você aumentar a carga de treinos. Por isso, o descanso é necessário, especialmente no início.

Se mesmo após a avaliação física você sentir qualquer desconforto durante o exercício, não hesite em procurar um médico imediatamente.

Leia também: 7 benefícios da atividade física para mulheres

Revisão técnica
Prof. Dr. Max Grinberg
Núcleo de Bioética do Instituto do Coração do HCFMUSP
Autor do blog Bioamigo

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.
* Campos obrigatórios.

Esse site é melhor visualizado no modo Portrait.

Esse site é melhor visualizado no modo Landscape.