Coração e Vida | Dicionário médico - Coração e Vida

Dicionário médico

Fontes: Dicionário Médico | Hospital Israelita Albert Einstein
-- O serviço tem fim meramente informativo e não substitui de forma alguma a consulta a um profissional de saúde, nem quaisquer tratamentos e/ou diagnósticos.


  • Cirurgia

    Ramo da Medicina que, através de processos manuais ou mecânicos, trata as lesões e as deformidades; pode ser curativa, paliativa, exploradora e reparadora, conforme o fim a que se destina.

  • Cissiparidade

    Reprodução celular agâmica ou divisão binária; divisão do próprio corpo.

  • Cisterna

    Espaço fechado que serve de reservatório; espaço subaracnóideo que armazena líquido cérebro-espinhal.

  • Cisticerco

    Forma larvária de tênia, em que um único escólex está incluído em cisto. Ingerindo a carne de porco ou de boi infestada de cisticercos, quando mal cozida ou crua, o homem adquire a chamada “solitária” ou teníase.

  • Cistite

    Inflamação ou infecção da bexiga. É uma das infecções mais frequentes em mulheres, e manifesta-se por ardor ao urinar, urina escura ou com traços de sangue, aumento na frequência miccional, etc.

  • Cisto

    Tumor com conteúdo líquido, semilíquido ou pastoso; termo para indicar relação com saco, cisto ou vesícula.

  • Cistometria

    Registro da pressão vesical durante a fase de enchimento, pelo qual se avalia a capacidade, complacência e sensibilidade vesical e a atividade do detrusor.

  • Cistoscopia

    Visualização da bexiga urinária através de um instrumento óptico (cistoscópio) que é introduzido pela uretra.

  • Cisura

    Fenda, canal, fissura, cissura.

  • Citocromo

    Hemocromogênios largamente distribuídos nos tecidos animais e vegetais, onde exercem papel importante nos processos de oxidação.

  • Citocromo P450

    Citocromo que possui em sua estrutura uma família de enzimas, é o principal catalisador das reações de biotransformação de fármacos no organismo. A família de genes do citocromo P450 diversificou-se a partir de sua origem para adaptar-se ao metabolismo de um número crescente de substâncias químicas ambientais, toxinas alimentares e drogas. A resultante superfamília de enzimas catalisa uma grande variedade de reações oxidantes e redutoras e exerce atividade contra um grupo de substratos quimicamente diferentes.

  • Citogenética

    Ramo da genética que trata do estudo dos elementos celulares relacionados à hereditariedade, isto é, cromossomas e genes.

  • Citólise

    Dissolução ou destruição de células.

  • Citotoxina

    Substâncias celulares tornadas tóxicas por um mecanismo de sensibilização, quando previamente introduzidas no organismo, e são por ele destruídas.

  • Clangor

    Som estridente de certos órgãos quando lesados.

  • Clástico

    Separável ou divisível em partes.

  • Clastomania

    Desejo irresistível de destruir, rasgando tudo.

  • Claudicar

    Coxear; mancar; errar.

  • Claustrofobia

    Medo mórbido de permanecer em ambientes fechados.

  • Clavícula

    Osso que forma a parte anterior do ombro; articula-se com a omoplata e o esterno.

  • Clearance

    Termo inglês que significa “depuração” e pode ser definido como a taxa pela qual um fármaco é eliminado do organismo.

  • Cleptomania

    Impulso patológico ao roubo.

  • Clido

    Termo que indica relação com clavícula.

  • Climatério

    Conjunto de mudanças adaptativas que são produzidas na mulher como consequência do declínio da função ovariana na menopausa. Consiste em aumento de peso, “calores” frequentes, alterações da distribuição dos pelos corporais, dispareunia (ver).

  • Clínica

    Prática da Medicina; o conjunto de doentes de um médico.

  • Clise

    Atração ou inclinação; lavagem de cavidade; aplicação de clister.

  • Clister

    Introdução de líquido no intestino através do ânus.

  • Clitóris

    Corpo erétil, semelhante a um pênis em miniatura, situado no ângulo ântero-superior da vulva.

  • Clivagem

    Fenda ou separação de células, corpos ou moléculas.

  • Cloaca

    Cavidade existente na parte posterior da cavidade abdominal dos vertebrados onde se abrem o intestino e os órgãos genitais.

  • Cloasma

    Afecção da pele que se caracteriza por manchas de coloração acastanhada, especialmente na face.

  • Clone

    Conjunto de indivíduos originários de outros por multiplicação assexual (divisão, enxertia, apomixia, etc.), em que todos os membros de um clone têm o mesmo patrimônio genético.

  • Clonismo

    Sucessão de movimentos musculares ou espasmos clônicos.

  • Cloração

    Tratamento pelo cloro de água potável contaminada, para sua higienização.

  • Clue cells

    Células epiteliais vaginais recobertas por organismos cocobacilares que, quando evidenciadas conjuntamente a pH > 4,5, teste positivo para aminas e corrimento vaginal branco leitoso e com mau cheiro, denunciam a existência de vaginose bacteriana, com infecção por Gardnerella vaginalis e Mobiluncus sp.

  • Clunis

    Nádega.

  • Cnêmio

    Relativo à perna.

  • Co-intervenção

    Em ensaios clínicos, a aplicação de medidas diagnósticas ou terapêuticas adicionais à medida em estudo; as medidas podem ser aplicadas aos indivíduos de um ou de ambos os grupos.

  • Co-morbidade

    A presença de doença(s), além da doença em estudo, que pode(m) alterar o efeito de interesse no estudo.

  • Coagulação

    Condensação de líquidos orgânicos, sangue, leite e outros, do que resulta formação de massa de fibrina (sangue), ou pela ação do calor ou pela dispersão de partículas nos coloides (gelificação). Pela coagulação dos líquidos orgânicos, separam-se porções líquidas de outras e que constituem o coágulo; no caso do sangue, a coagulação se dá pela formação de uma rede de fibrina que envolve e prende os glóbulos vermelhos sanguíneos. A fibrina existe no sangue sob a forma de fibrinogênio que, sob a ação de um fermento, a trombina, se transforma em fibrina; é um mecanismo de defesa contra as hemorragias.

  • Coágulo

    Qualquer massa semi-sólida de sangue, linfa ou outro líquido do corpo.

  • Coágulo sanguíneo

    Formação sólida resultante do processo de coagulação do sangue. Pode ser produzido em resposta a uma agressão física (traumatismo, queimadura), infecciosa, inflamatória, tumoral, associado a diversas doenças hematológicas, etc.

  • Coalescência

    Fusão das partes separadas; aderência ou junção de partes separadas, como nas feridas.

  • Coalhada

    Leite submetido à coagulação, mediante a adição de culturas de bacilos lácticos ou deixado em lugar de temperatura quente, a fim de coalhar espontaneamente.

  • Coaptação

    Aproximação de partes que estavam separadas, como as extremidades de um osso fraturado.

  • Coarctação

    Estreitamento; aperto.

  • Cobaia

    Pequeno animal de laboratório, também chamado “porquinho-da-Índia”.

  • Cobreiro

    Eczema, dermatite, zóster e outras dermatoses vesiculosas.

  • Cocaína

    Alcaloide cristalino (metil-benzoil ecgonina) obtido de folhas da coca ou sinteticamente, empregada como anestésico local, ou usada através da aspiração, como tóxico, causando dependência física e psíquica.

  • Cocção

    Ato de cozer; aquecimento pela fervura.

Carregar Mais

Esse site é melhor visualizado no modo Portrait.

Esse site é melhor visualizado no modo Landscape.