Coração e Vida | Especialista esclarece dúvidas sobre a vacina contra gripe H1N1

Especialista esclarece dúvidas sobre vacina contra gripe H1N1

Surto da doença acelera busca por imunização; faltam doses em clínicas privadas

31.03.2016 | por Equipe Coração e Vida

Com o surto de H1N1 no país, a cidade de São Paulo enfrenta uma corrida frenética pela vacina da gripe. Famílias passam até 3 horas em filas de clínicas particulares para conseguir imunizar os filhos e, em alguns casos, a vacina já está em falta.

Remédio contra gripe H1N1 está em falta nas farmácias
11 estados vivem surto de H1N1
Rio tem primeira morte por vírus H1N1 confirmada em 2016
São Paulo teve baixa adesão à vacina contra a gripe

Boa parte da população, no entanto, continua sem receber a dose, já que o lote destinado à rede pública ainda não foi liberado. Com a correria, dúvidas sobre a vacina começam a surgir.

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Para esclarecer algumas questões, o site Coração & Vida conversou com a médica infectologista Tania Strabelli, especialista em doenças infecciosas e parasitárias. Confira:

Quem toma a vacina da gripe está imediatamente imunizado contra a H1N1?

Não, nem contra os outros tipos de gripe. Normalmente, a vacina leva de duas a três semanas para fazer efeito. Quando o paciente já tomou a vacina em outros anos, esse tempo de resposta cai para dez dias. É por isso que muita gente que toma a vacina e fica gripado logo em seguida acha que a vacina não funciona ou que ela é que causou a gripe. Na realidade, a pessoa já estava incubando um quadro de gripe e acaba ficando doente.

Quem tomou a vacina do ano passado ainda está imunizado contra H1N1?

Normalmente não está. O que se sabe é que a imunidade vai caindo ao longo dos meses, mas essa curva não é exatamente conhecida. Quando vai chegando perto da próxima campanha de vacinação, algumas pessoas estão protegidas e outras não.

O Ministério da Saúde afirmou que a taxa de adesão da população de São Paulo à campanha de vacinação contra a gripe em 2015 foi a menor nos últimos três anos e ficou abaixo da média nacional. Isso pode estar relacionado ao aumento dos casos em 2016?

Pode ter sido por isso que o surto começou mais cedo, mas ainda não sabemos exatamente a resposta. O Instituto Adolfo Lutz está sequenciando os vírus e assim saberemos. O ideal é que as pessoas dos grupos de risco estejam vacinadas. Quanto mais as pessoas se vacinarem, menor a incidência da doença.

A vacina da rede privada é mais eficaz do que a da rede pública?

A diferença neste ano é que a pública é trivalente, com três cepas do vírus Influenza. A particular é quadrivalente, com quatro cepas, mas com relação à H1N1 não há diferença, as duas imunizam da mesma forma.

E quem foi contaminado, o que deve fazer para evitar o contágio de outras pessoas?

Além de procurar atendimento médico, as pessoas que estão doentes não devem sair de casa. Quanto mais elas circulam, mais disseminam o vírus, por isso que é importante ficar em casa ingerindo bastante líquido, repousando e se alimentando corretamente enquanto tiveram enfrentando algum quadro de doença respiratória ou com febre. Crianças doentes também não devem ser levadas à escola. Reduzir a circulação de pessoas doentes ajuda diminuir a incidência do vírus.

Revisão técnica
Prof. Dr. Max Grinberg
Núcleo de Bioética do Instituto do Coração do HCFMUSP
Autor do blog Bioamigo

Deixe seu comentário

24 comentários

  1. tatiane pinto disse:

    Tive uma gripe muito forte mas não sabia que poderia esta com esse tipo de gripe mas eu me tratei em casa mesmo.

  2. Urania Ferreira disse:

    Bom dia !

    Um fator que já sabemos e temos que nos conscientizar como medida preventiva à doença é a higienização das mãos, ventilação no ambiente aonde estão muitas pessoas aglomeradas, principalmente nas escolas e locais onde ficam várias pessoas juntas. Nossas mãos trazem muitas bactérias quando colocadas sujas na boca, no nariz, assim vai levando as bactérias para todas as pessoas que tocamos. São medidas simples, mas que colaboram para prevenir a doença.

  3. LEDENIR CAZAROTTO disse:

    QUAIS OS SINTOMAS PRINCIPAL PRA GENTE FICAR ALERTA?
    PARA QUE NÃO CONFUNDA COM GRIPE OU DENGUE.

    • Tathiana Barbar - Equipe Coração e Vida disse:

      Febre alta, tosse, dores musculares, dor de cabeça, dor de garganta, coriza, irritação nos olhos e ouvidos.

  4. LEDENIR CAZAROTTO disse:

    MATO GROSSO DO SUL – NAVIRAÍ 3 CASOS EM MAIO ANTECIPOU FÉRIAS ESCOLARES TAMBÉM NOVA ALVORADA DO SUL SUSPEITO DE 3 CASOS. ESTAMOS COM MEDO.

  5. jorge airto machado da silva disse:

    Quanto tempo leva para ser curada uma gripe h1N1

  6. Vilma Isabel disse:

    Quem já está com gripe pode toma a vacina

  7. Tatiane disse:

    Tenho todos os sintomas só febre q acredito não ter tifo. Pode ser h1n1? Ou não há possibilidade de ser dainformado?

  8. Wilson disse:

    Estou com sintomas de gripe.tive febre de 38° mas já abaixou pra 36° estou tossindo mas não tenho falta de ar nem dor de cabeça pode ser h1n1?

  9. Williane soares disse:

    Deixe aqui sua Mensagem tive uma dor de cabeça põem forte, quando foi no segundo dia tive essa torsse seca e com febre e agora essa torsse está com secreção e não para e estou com dor no corpo mais a febre fica auxiliando.

  10. Isaura Ribas Goulart disse:

    Deixe aqui sua Mensagem minha bb esta tomando antibioticos e predisim a mais de 20 dias ,levo ela num doutor da familia,eainda a gripe continua ,so nao tem febre ,mas to com medo

  11. katya disse:

    Levei minha filha com tosse febre e falta de ar … na pediatra com 3 dias de sintomas ela me encaminhou para o hospital e assim estou 8 dias com ela no isolamento tratando com antibióticos anti alergico e oxigênio … só acho q todos com sintomas deveria procurar um médico rápido …

  12. luziano coelho disse:

    estou com um amigo que esta internado com suspeita gripe A1N1 tive contato com ele. o que devo fazer.

  13. Jairo Amarante da Silva disse:

    Estou gripado a uma semana muita toce e dor de cabeça dor no corpo e garganta será que pode ser a gripe h1n1

  14. Clarice Aparecida do Nascimento disse:

    DeixeEstou a quinze dias com gripe dor no corpo mal estar tosse seca já fui no médico disseram que era uma gripe não temho febre foi depois da vacinação teho 65 anos estou com medo

  15. Heladio Mesquita disse:

    Minha filha está com febre alta dor no corpo todo e a garganta confeccionada não come e não bebe nada será que é a gripe h1 n1

  16. Maria de Lourdes disse:

    Meu filho de 17 anos está com febre alta muita dor no corpo garganta inflamada de cabeça estou dando multigripe e esplai p garganta . Estou certa

    Deixe aqui sua Mensagem

  17. doralice scortegagna disse:

    Estou com todos os sintomas menos for de garganta. Meu médico já me receitou tamiflu, a pergunta que não cala…. quantos dias até sintomas de dor de cabeça que é o que mais tenho tido forte ( estou com sinusite infecciosa). Como ter certeza de ser está gripe? Qual exame a ser feito para ter certeza??? ObrigadaDeixe aqui sua Mensagem

  18. Maris Stella disse:

    Estou com uma gripe muito forte com diversos sintomas, como:
    Dor de ouvido, dor de cabeça, coriza, catarro nos olhos, catarro vindo dos pulmões, falta de ar, choradeira dos brônquios,

    congestão nasal, tusso o tempo todo dor nas articulações, calafrios, mal estar geral. Esse quadro já está instalado à mais de uma semana, estou tomando antigripais, más não houve melhora o que devo fazer
    Fui imunizada pela primeira vez na vida contra a gripe h1n1 em 25/052016, nunca havia tomado a vacina posso ter adoecido mesmo assim, ou pode ser outra doença.
    Obs: sou tabagista

  19. Etiene Heidorn disse:

    Minha filha tomou a vacina da gripe e está com dor no braço . O que devo fazer… é normal????

  20. Jossy disse:

    Tomei a vacina da gripe há duas semanas, hoje estou muito gripada, tosse seca, coriza, dores nos olhos, dores no corpo. Tem alguma coisa a ver? Tô super assustada, e já vai fazer uma semana que estou desse jeito.

  21. Viviane Garcia Alves disse:

    Se eu tomei a vacina contra a gripe h1n1 posso contrair a doença, lembrando que sou gestante.

  22. Edlene disse:

    Estava com 7 semanas de grávida e tomei a vacina da gripe no dia seguinte tive sangramento e perdi o meu bebê.
    Será que foi por causa da vacina?

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.
* Campos obrigatórios.

Esse site é melhor visualizado no modo Portrait.

Esse site é melhor visualizado no modo Landscape.