Coração e Vida | Inverno chegou: 6 dicas para ajustar a rotina - Coração e Vida

Inverno chegou: 6 dicas para ajustar a rotina

Estação mais fria traz alguns desconfortos – mas é possível minimizá-los

4.07.2018 | por Equipe Coração e Vida

Por Thassio Borges

Não é impressão sua: o inverno realmente traz uma série de mudanças ao nosso organismo – e aquela dificuldade para encarar atividades rotineiras é mais comum do que você imagina.

De acordo com Guilherme D`Andréa Saba Arruda, médico da Cardio D’Or, serviço de cardiologia dos Hospitais São Luiz e Villa-Lobos, o inverno traz dias mais curtos, com luminosidade menos intensa, alterando os hábitos de grande parte da população.

“Esse cenário pode influenciar na produção de melatonina e serotonina, o que contribui para a falta de disposição. Além disso, o inverno vem, muitas vezes, acompanhado de um clima mais seco, afetando a disposição das pessoas”, afirma.

Inverno traz série de mudanças ao nosso organismo – Foto: Shutterstock

Inverno traz série de mudanças ao nosso organismo – Foto: Shutterstock

Confira seis dicas do médico para atravessar a estação de maneira mais tranquila:

Não pare as atividades físicas: o exercício promove uma série de mudanças hormonais, resultando em bem-estar físico e psicológico. Além disso, mantém o metabolismo acelerado, o que é importante para uma época em que tendemos a exagerar de alimentos ricos em carboidratos e gorduras.

Vestuário adequado: atenção quanto às roupas usadas (principalmente nas atividades físicas). Elas devem permitir a transpiração adequada da pele, sem deixar de proteger do frio intenso.

Mantenha seus hábitos saudáveis: sim, o inverno nos deixa mais preguiçosos, mas vale o esforço extra para manter o sono adequado, alimentação balanceada e a ingestão de líquidos. Assim, será possível evitar também um “clássico” da estação: as doenças respiratórias.

Atenção com as vacinas: sempre sob a orientação do seu médico, fique ligado em relação à vacinação necessária para prevenir doenças respiratórias.

Controle os excessos: evitar refeições muito pesadas antes de dormir é importante. Isso torna a digestão mais lenta e aumenta a sensação de desconforto e indisposição.

Resguarde o sistema respiratório: faça uso de soro fisiológico nas narinas e use umidificadores de ar (ou toalhas umedecidas) caso a sensação de secura seja muito forte dentro de casa.

Saiba mais sobre as doenças do inverno

Além de tudo isso, vale ressaltar que, se o frio é realmente um problema para você, não tenha receio de recorrer a algumas facilidades, como torneira elétrica na cozinha. E esteja sempre com o casaco a postos para evitar surpresas e se adequar à rotina especial que o inverno pede.

Revisão técnica
Prof. Dr. Max Grinberg
Núcleo de Bioética do Instituto do Coração do HCFMUSP
Autor do blog Bioamigo

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.
* Campos obrigatórios.

Esse site é melhor visualizado no modo Portrait.

Esse site é melhor visualizado no modo Landscape.