Coração e Vida | Respiração: saia do automático! - Coração e Vida

Respiração: saia do automático!

Conheça quatro técnicas da ioga para ajudar a diminuir a ansiedade

29.05.2018 | por - Equipe Coração e Vida

O corpo humano pode passar horas sem beber água ou dias sem comer, mas não pode parar de respirar. Porém, mesmo a respiração sendo essencial à vida, às vezes não a percebemos de verdade. E tudo bem, não é preciso mesmo pensar em respirar, esse é um ato involuntário do organismo – mas qualquer mudança nesse compasso natural pode, sim, causar ou indicar um estado emocional alterado. Mas respirar melhor ajuda a lidar com isso.

“Estamos sempre com a cabeça no passado ou no futuro, isso provoca ansiedade. Ao colocarmos a atenção na respiração, acalmamos a mente, gerando um estado de consciência focado no presente”, explica Karime Neder, instrutora de Vinyasa Flow Yoga no Studio Nataraja, em São Paulo.

 

Técnicas de respiração da ioga ajudam a controlar melhor a ansiedade. Foto: Shutterstock

Técnicas de respiração da ioga ajudam a controlar melhor a ansiedade. Foto: Shutterstock

 

Há milênios os praticantes de ioga realizam os pranayamas (exercícios respiratórios para controle do prana, a energia vital). Conhecedora da técnica há mais de 20 anos, Karime garante: respirar corretamente ajuda a reduzir ansiedade, estresse, melhora a concentração e o sono, induz ao relaxamento profundo.

Algumas técnicas podem ser feitas por cinco a dez minutos por dia – em casa, no trabalho, no trânsito. Fique de pernas cruzadas, coluna ereta e comece agora mesmo.

 

Respiração alternada: Com o dedo médio da mão direita, tampe a narina direita e inspire longamente pela esquerda. Retenha o ar. Com os pulmões cheios, troque a narina obstruída, tampando a narina esquerda e expirando pela direita. Repita o processo, inspirando sempre pela mesma narina que soltou o ar. “O objetivo aqui é modular as emoções e equilibrar o sistema nervoso simpático, que nos mantém alerta, e o parassimpático, que nos tranquiliza”, explica.

Respiração lunar: excelente para insônia ou momentos de extrema agitação e ansiedade. A narina direita está relacionada à energia solar (atividade) e a esquerda, à energia lunar (introspecção). A ideia é ativar o fluxo de entrada do ar somente pela esquerda: tampe a narina direita e inspire pela esquerda. Para expirar, tampe o lado esquerdo e solte o ar pela narina direita.

Respiração ujjayi: comece a respirar e soltar o ar pelo nariz, com a boca fechada, mantendo a glote levemente contraída: a ideia é provocar um ruído quando o ar passa pela garganta. Sua respiração se tornará audível, como um sussurro. “Ao concentrar-se no som, em ritmo constante, a pessoa consegue acalmar a mente”.

Sopro Rá: ideal para liberar tensões. De pé, mantenha os pés paralelos, levemente afastados. Faça uma inspiração profunda enquanto eleva os dois braços acima da cabeça. Expire lançando o corpo rapidamente à frente, soltando tronco e braços, produzindo o som “Rá”. Expulse todo o ar pela boca, de uma só vez. “É um movimento muito rápido e vigoroso”, reforça Karime.

 

Texto
Daniela Spilotros

 

Revisão técnica
Prof. Dr. Max Grinberg
Núcleo de Bioética do Instituto do Coração do HCFMUSP
Autor do blog Bioamigo

 

Leia mais:

Estresse, ansiedade e depressão: conheça sintomas e tratamento

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.
* Campos obrigatórios.

Esse site é melhor visualizado no modo Portrait.

Esse site é melhor visualizado no modo Landscape.