Coração e Vida | Setembro vermelho: 10 dicas de cuidados com o coração

Setembro vermelho: 10 dicas de cuidados com o coração

Prevenir é sempre a melhor saída para não sofrer com problemas cardíacos no futuro

10.09.2018 | por Equipe Coração e Vida

Em setembro, as principais instituições de saúde são iluminadas de vermelho para lembrar de algo que todos devem fazer todos os dias: cuidar do coração.

Prevenir é sempre a melhor saída para não sofrer com problemas cardíacos no futuro, e hábitos simples do dia a dia são capazes de blindar o órgão mais nobre do corpo, que trabalha incessantemente para manter o organismo em pleno funcionamento. “O objetivo do Setembro Vermelho é fazer com que as pessoas se dediquem a cuidar do coração, antes que os danos aconteçam”, explica o cardiologista Roberto Kalil.

“Há a cultura de que os problemas cardíacos sempre acontecem com as outras pessoas, nunca conosco. Por isso, muitos desconsideram os fatores de risco e só percebem que estavam em perigo quando enfartam. Por isso, a prevenção é fundamental: se alimentar de forma saudável, praticar atividade física e controlar o estresse”, explica o médico.

Prédio do Instituto do Coração (InCor), em São Paulo, iluminado no "Setembro Vermelho" - Foto: Sérgio Cruz

Prédio do Instituto do Coração (InCor), em São Paulo, iluminado no “Setembro Vermelho” – Foto: Sérgio Cruz

Veja abaixo algumas dicas para cuidar do coração:

– Pratique atividade física diariamente, especialmente exercícios aeróbicos

– Quando sentir que está estressado, respire fundo para se acalmar. Se as situações estressantes forem contínuas, procure ajuda de um psicoterapeuta para contornar o problema

– Se alimente de forma saudável e insira alimentos com ômega-3 na dieta, pois é uma gordura boa para a saúde cardíaca

– Prefira alimentos in natura aos industrializados, já que esses podem conter sódio e gorduras maléficas ao coração

– Evite o consumo de gorduras saturadas e gorduras trans

– Reduza o consumo da carne vermelha

– Limite o uso do sal para até no máximo 5 gramas por dia

– Procure manter-se dentro do peso ideal, evitando o “efeito sanfona”; a obesidade é inimiga do coração

– Consulte um cardiologista com regularidade para exames de check-up

– Durma bem para não sentir sonolência diurna; dormir pouco pode afetar a saúde do coração

Revisão técnica
Prof. Dr. Max Grinberg
Núcleo de Bioética do Instituto do Coração do HCFMUSP
Autor do blog Bioamigo

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.
* Campos obrigatórios.

Esse site é melhor visualizado no modo Portrait.

Esse site é melhor visualizado no modo Landscape.