Coração e Vida | Vantagens de deixar o carro na garagem e adotar a bicicleta

Vantagens de deixar o carro na garagem e adotar a bicicleta no dia a dia

Pedalar diariamente traz benefícios para a saúde do corpo e da mente

23.11.2018 | por Eli Pereira - Equipe Coração e Vida

Com a onda de aplicativos que disponibiliza aluguel de bicicletas por preços módicos, está cada vez mais fácil deixar o carro em casa e ir ao trabalho pedalando. Essa troca traz muitos benefícios para a saúde e pode otimizar o tempo no dia a dia, afinal, quem pedala mais de 150 minutos por semana se enquadra na recomendação médica de praticar um exercício aeróbico semanalmente.

“A atividade beneficia toda a fisiologia do nosso corpo para sermos mais saudáveis, melhorando o sistema cardiovascular e respiratório, fortalecendo todo o corpo e, consequentemente, nos dando energia e vitalidade”, ressalta o educador físico Eric Haddad.

Além de economizar tempo, ir de bicicleta ao trabalho ou a algum compromisso faz bem para o corpo e para a mente - Foto: Shutterstock

Além de economizar tempo, ir de bicicleta ao trabalho ou a algum compromisso faz bem para o corpo e para a mente – Foto: Shutterstock

Outro benefício apontado pelo profissional é fugir do trânsito caótico das metrópoles. “Um percurso que na maioria das vezes demoraria uma hora de carro, com a bicicleta pode ser feita em trinta minutos. Utilizando a bicicleta regularmente é possível juntar o útil ao agradável, saindo do sedentarismo e, ao mesmo tempo, baixar o nível de estresse”, avalia. “Sem falar sobre a economia do consumo de combustível, local para estacionar e desgaste do carro. Dessa forma, contribuímos nos tornando mais sustentáveis para a sociedade”.

Exercício para a mente 

Haddad explica que a neurociência já vem demonstrando o benefício mental de pedalar. “Imagine a seguinte situação: dois empresários terão uma reunião importante na segunda-feira. Um deles acorda, toma um café da manhã leve e vai pedalando por volta de quarenta minutos até o escritório. Não sofre congestionamentos, passa por locais arborizados e o melhor de tudo, faz o seu coração trabalhar mais, levando mais oxigênio para o seu cérebro. Ele ficou livre do estresse e proporcionou ao seu corpo trabalhar na plenitude de condição fisiológica ideal para uma pessoa ser mais saudável”, relata o educador físico.

“Já o segundo empresário também participará da mesma reunião, porém, vai de carro, enfrenta um trânsito com mais de uma hora de trajeto, sentado no banco do automóvel, gerando ansiedade e apreensão por não querer chegar atrasado. Daí faço a seguinte pergunta: qual desses dois empresários terá melhor condição de conduzir uma boa reunião e terminar bem o dia de trabalho?” diz.

Os exercícios aeróbicos, explica Haddad, promovem a regeneração e desenvolvimento de novos neurônios, um processo chamado neurogênese. “Pessoas que sofrem com depressão e doenças degenerativas, como Alzheimer, Parkinson, se beneficiam muito com esse tipo de atividade pois, além do poder em levar mais sangue para o cérebro, os exercícios produzem hormônios que são essenciais para a nossa saúde e bem-estar”, diz.

Mexe com o corpo todo 

Andar de bicicleta exige usar todo o corpo. “Para uma boa pedalada, precisamos segurar firme o guidão que, por sua vez, força nossas costas e abdômen. A todo momento estamos trabalhando o corpo enquanto pedalamos”, esclarece o especialista.

Além de ajudar no fortalecimento de toda a estrutura corporal, é indicado para quem tem problemas articulares, pois preserva as articulações do impacto excessivo.

“Vale ressaltar que é fundamental que o ciclismo seja praticado em ambientes externos. As bicicletas estacionárias não promovem os mesmos benefícios das bicicletas convencionais, por vários motivos”.

Optar pela velha e conhecida “magrela” pode trazer grandes benefícios para a saúde do corpo e da mente. Mas atenção: antes de começar a praticar uma atividade física, consulte sempre um médico para uma avaliação de saúde. Além disso, considere também um local seguro para andar de bicicleta, como as ciclovias, evitando, então riscos de acidentes.

Leia também: 

Revisão técnica
Prof. Dr. Max Grinberg
Núcleo de Bioética do Instituto do Coração do HCFMUSP
Autor do blog Bioamigo

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.
* Campos obrigatórios.

Esse site é melhor visualizado no modo Portrait.

Esse site é melhor visualizado no modo Landscape.