Coração e Vida | "Você só aprende a viver quando sabe o que é morrer": as histórias de quem vive com HIV desde os anos 80 - Coração e Vida

“Você só aprende a viver quando sabe o que é morrer”: as histórias de quem vive com HIV desde os anos 80

14.02.2018 | por BBC Brasil

Uma sentença de morte. Desta forma, a servidora pública Leiry Maria Rodrigues, de 54 anos, classifica o resultado do exame que revelou que ela convivia com o vírus HIV em 11 de agosto de 1989, aos 25 anos. Na época, não havia muitos esclarecimentos sobre o assunto e tampouco tratamento eficaz. Então, a expectativa de vida para aqueles que possuíam o vírus não passava de um ano.

“O médico me disse que não havia nada a ser feito. Eu questionei: ‘então vou esperar morrer?’. Ele disse que era ‘mais ou menos isso’. Eu completei: ‘a única prevenção que posso fazer é comprar um caixão e colocar atrás da porta?’. Novamente, ele me disse que era ‘mais ou menos isso'”, relata Rodrigues, que convive com o vírus há quase 30 anos.

Leia mais

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.
* Campos obrigatórios.

Esse site é melhor visualizado no modo Portrait.

Esse site é melhor visualizado no modo Landscape.